Compartilhe o Blog CLIRC com seus amigos

sábado, 13 de agosto de 2011

Exaltação



Exaltação ao dia no supremo êxtase dos sentidos:
Porque nos dias lentos que transcorrem
Eu vou sentindo o fluido suave da bondade
Fluidificando a luz difusa do pensamento
Com um som divinal que abranda
A trágica rudeza das almas imperfeitas.
Porque me deste a graça, o êxtase
Para evocar os teus recantos florescidos
O luar que se banha de luz na letargia
Das tuas noites com o bordado das estrelas.
Porque em minha alma há também luares anestesiantes
Há ocasos incendiados longe no horizonte
Há visões embaladoras de um passado distante.
Exaltação porque no cárcere dos dias da vida
Tu me dás a resignação consoladora destes versos.

Pilar Casagrande

Imagem disponível em: http://3.bp.blogspot.com/_Y4jkIbR_shM/SwnjGgDNpCI/AAAAAAAAAxE/2GoSL_vUqYQ/s1600/exalta%C3%A7%C3%A3o.bmp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós do CLIRC ficamos felizes e assim agradecemos por seu comentário!
Volte sempre que puder!
Obrigado!

Quem já passou por aqui