Compartilhe o Blog CLIRC com seus amigos

domingo, 24 de janeiro de 2010

Razão de viver





Batucar

No interior

Profundos sons

Presos
Entre carnes e ossos.
Agudas agulhas,

Filetes contidos
Em nervos e cartilagens.
Uníssonos pilares de ar

Passeiam pelas traqueias.
Segurar imensidão,

Sonho

Ou pesadelo profundo?
Memória em nervo doente

E estrada de sons nas veias?
Artérias e sangue são rios abertos
Rumo à inexplicável razão de viver!


Maria de Lourdes França 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós do CLIRC ficamos felizes e assim agradecemos por seu comentário!
Volte sempre que puder!
Obrigado!

Quem já passou por aqui